segunda-feira, 27 de julho de 2015

GUAMARÉ APRESENTA PLANO MUNICIPAL PARA A PRIMEIRA INFÂNCIA NA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE

Na tarde desta sexta feira (24/07), a Secretária de Assistência Social Marisa Rodrigues participou a convite da Universidade Federal do Rio Grande e o Fórum de Educação Infantil do RN, para participar da I Conferência do Projeto Ciranda de Saberes e da Reunião ampliada do Fórum de Educação Infantil do Rio Grande do Norte.


A participação da Secretária Marisa Rodrigues foi na mesa redonda, intitulada planos municipais da Primeira Infância, com a presença da Dra. Francisca Andrade (Tati) do UNICEF e a secretária de Assistência social Maria Joveli de Dr. Severiano. A exposição foi pautada na apresentação da formulação do Plano para a Primeira Infância de Guamaré construído no processo com participação social e política a partir da realização dos Pré Fóruns Comunitários em 2014, deliberado pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, com a harmonização das necessidades e anseios da comunidade.


A elaboração do plano é uma das primeiras ações para garantir os direitos da criança de até 6 (seis) anos, como parte importante maior para as crianças de Guamaré, destacou a secretária Marisa que o plano foi elaborado de forma intersetorial constituído por uma comissão envolvendo ás áreas da educação, saúde, assistência social, cultura, esporte, meio ambiente e convivência familiar e comunitária. A secretária enfatizou que o plano aprovado, já está em curso sua implementação destacando a estruturação da modalidade da família acolhedora, a formação da rede para a garantia de direitos humanos de crianças e adolescentes e construção do plano municipal de enfrentamento a violência sexual contra crianças e adolescentes em parceria com a CEDECA- Casa Renascer.  


Colocou também alguns desafios para o debate como: a responsabilidade do monitoramento da implementação e gestão em rede do plano para a primeira infância; pensar em uma política de promoção de desenvolvimento integral na primeira infância de forma intersetorial, em rede de integração; ampliar as discussões referentes à média e alta complexidade no contexto do pacto federativo; como assegurar condições mínimas às famílias para uma atenção adequada à primeira infância; cobertura dos serviços com atenção às crianças com deficiência; O impacto de atendimento em creches sobre o desenvolvimento das crianças; Adoção de medidas de qualidade para os serviços da educação infantil e o estado nutricional na primeira infância.


Equipe de Guamaré participando no evento

Nenhum comentário:

Postar um comentário