quinta-feira, 15 de outubro de 2015

APRESENTAÇÕES TEATRAIS, ATIVIDADES ESPORTIVAS, PALESTRA E A BALADA DA RESPONSABILIDADE, MARCARAM O SÁBADO DA III SEMANA DO BEBÊ.

O Espetáculo: O Rapto das Cebolinhas, abriu as atividades do dia (10) no circo da alegria na cidade da criança com alunos da educação infantil e anos iniciais das escolas do município.



A peça teatral é de autoria da escritora Maria Clara Machado que conta a história de uma cebolinha que querem roubar, na história a cebolinha é uma espécie famosa, das Índias, cujo chá é capaz de rejuvenescer, desde que preparado da forma correta: misturam-se três cebolinhas num litro d'água. A 



cebolinha deve ser colhida à meia-noite e quinze em ponto." O dono das cebolinhas é o Coronel, que vive num sítio com o burro Simeão, a gata Florípedes e o cachorro Gaspar. Seus netos, Maneco e Lúcia, devem estar de visita por lá e também aparecem na história. Então que o coronel acorda e um dos seus três pés da famigerada cebolinha, um dos últimos três pés existentes no Brasil, foi roubado! 



É feita uma conferência familiar, mas não é descoberto o ladrão. O coronel decide ir à cidade contratar um detetive, mas aparece o senhor Camaleão Alface, detetive com diploma americano, estrela de xerife e dois revólveres, que se encarrega do caso. E monta guarda à noite, para pegar o ladrão.


Maneco desconfia muitíssimo do detetive e monta guarda também. Na hora exata do roubo o público vê o ladrão, mas muita confusão acontece e os personagens não conseguem saber exatamente quem arrancou o segundo pé de cebolinha. O detetive incrimina Gaspar. Mas Maneco confia na inocência do cachorro e decide se disfarçar de espantalho para aguardar o ladrão na próxima noite, quando o mistério é finalmente revelado.


A peça é cheia de movimento e, pode imaginar a confusão. Mas tem tudo o que criança gosta. Protagonistas da idade delas, bichos que falam um avô, um detetive e um médico, no final. Tomás não piscaria o olho, com certeza! A peça foi apresentada pelos adolescentes do NUCA em dois momentos, cujo  objetivo foi inserir as crianças no mundo da cultura teatral e promover espaço de interatividade cultural. Crianças, pais, professores, profissionais das secretarias envolvidas prestigiaram o evento com muitas gargalhadas.


Enquanto as crianças se divertiam com o espetáculo, à tarde ás 15h, no pavilhão estava acontecendo uma Palestra - Pai Presente que tratou sobre a responsabilidade da figura paterna com relação aos deveres dele com os filhos e também a importância no acompanhamento no processo de gestação.
Participaram pais e mães de crianças de 0 a 6 anos de vida e companheiros de gestantes.  A palestra foi ministrada pelos profissionais da Secretaria de Assistência Social.





Ao terminar a palestra os pais juntamente com os filhos se prepararam para participar da II Copa da Turminha, organizada pela secretaria de esporte no espaço do estádio de futebol, que fica em frente à cidade da criança. 






A atividade esportiva foi através de um Torneio de futebol de campo mirim, dividindo o campo em mini campo com duração de 10 minutos. Cada jogo aconteceu simultaneamente. Pois se tratava de crianças de 4 á 6 anos. Esta ação teve o intuito de possibilitar a vivencia no campo gramado, desenvolvendo o gosto pela prática de esportes incentivando a inclusão social.


À noite para encerrar as atividades do dia 10, foi realizada a Balada da Responsabilidade – Gestação na Adolescência com Estudantes de 12 a 19 anos das Escolas Benvinda Nunes Teixeira, Escola Monsenhor Joaquim Honório e a Escola Francisca Freire de Miranda, a equipe da Saúde e Assistência Social foram os responsáveis por esta ação.



Tiveram como pauta as orientações sobre a gestação e os métodos contraceptivos, Problemáticas vividas nos âmbitos educacionais e sociais, os riscos e os problemas de uma gestação na adolescência, exposição dos diversos tipos dos métodos contraceptivos e como usar e sensibilizar ao 



público presente sobre a participação de todos para a redução dos indicadores negativos da linha de base de gestantes na faixa etária de 12 á 19 anos de idade. 


Logo após a palestra começou a balada com a atração de um DJ e teve um lanche para todos os presentes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário